Dias frios, bebidas quentes

As feiras natalinas alemãs (Weihnachtsmärkte) já começaram. São centenas de feiras espalhadas pelo país, que permeiam as cidades com a atmosfera do Natal. Um cheiro delicioso de comida típica e Glüwein, a bebida típica desta época do ano.

Glüwein é um tipo de vinho quente temperado com canela, cravo, limão e açúcar. Outros condimentos podem ser utilizados, já que a receita varia um pouco em cada região. Eu, que nunca havia experimentado Glüwein, me lembrei imediatamente de uma bebida típica brasileira assim que tomei o primeiro gole. Não é uma bebida natalina, mas junina: o quentão.

Não existe uma bebida típica de Natal no Brasil. É verão e o costume é tomar bebidas geladas: vinho, cerveja ou refrigerante. Quanto mais gelada melhor!

Já no inverno, época de festividades juninas, tomamos o quentão. As festas juninas são em homenagem a Santo Antônio, São José e São Pedro e acontecem em diversas partes do Brasil, especialmente no Nordeste. É a minha festa favorita: comidas típicas, forró e quentão.

Assim como o Glüwein, o quentão ajuda a esquentar as noites frias. Ele é feito com cachaça, água, gengibre, canela e cravo. Podem ser acrescentados pedaços de fruta, como abacaxi, ou lascas de limão e laranja. A receita varia de acordo a região do país onde ele é feito. Existem variações feitas com vinho, mas a receita tradicional é mais gostosa. Que tal experimentar?

Ingredientes:

½ kg de açúcar
2 abacaxis cortados em cubos
1 copo de água
½ litro de cachaça de boa qualidade
10 cravos
3 paus de canela
100g de gengibre picado

Modo de preparo:

Faça uma calda com açúcar, cravo, canela e gengibre. Acrescente a água e a cachaça e deixe ferver por cerca de 30 minutos. Coloque o abacaxi em cubos e ferva por cinco minutos. A bebida pode ser servida coada ou sem coar.

Bom apetite!

[English]

You might also like: