Memes brasileiros: Fica, vai ter bolo!

Peles bronzeadas, preguiça, futebol, samba, crescimento econômico, falta de pontualidade, alegria, hospitalidade, floresta, praias, sol, mulheres etc. Esses são alguns dos aspectos que parecem constituir a imagem do Brasil no exterior, entretanto nem todos representam a realidade – ainda mais sendo esta tão diversificada – do país. Mas entre equívocos e meias verdades, uma coisa se pode afirmar: o povo brasileiro é, de modo geral, muito alegre.

É provável que estrangeiros possam ficar meio perdidos nas brincadeiras e bate-papos entre brasileiros, principalmente na Internet. E uma das razões para isso seria o constante uso de gírias, expressões e memes de Internet – que creio poderem muitas vezes ser confundidos com piadas internas. Os memes podem ser imagens, músicas, frases, vídeos etc. que se espalham especialmente através das redes sociais, blogs e emails. Para facilitar um pouco a vida de quem está aprendendo Português e quer se entrosar na conversa com os nativos da língua, resolvi expor e explicar aqui a origem e o significado de alguns dos principais memes de Internet.

Confira abaixo algumas dos memes que estão (ou estavam) na moda no Brasil:

Fica, vai ter bolo!
Origem: Essa fala é conhecida há tempos por muitos brasileiros. Geralmente utilizada por pessoas mais velhas para convencer convidados a prolongarem sua visita por mais tempo, inclusive em festinhas de aniversário. Popularizou-se na internet pelo Orkut e logo depois pelo Twitter.
Significado: Atualmente pode ser utilizada também quando se deseja que alguém não saia da conversa (online), que algo não termine etc.

Aham, Cláudia, senta lá. / Ajuda eu!
Origem: Xuxa Meneghel é uma apresentadora (também pseudo cantora, atriz etc.) de programa infantil muito famosa no Brasil, tendo já namorado Ayrton Senna e Pelé. Neste vídeo, Xuxa ignora (faz pouco caso) o gesto de uma criança – que parecia querer lhe mostrar algo – dizendo “Aham, Cláudia, senta lá”. E, visivelmente sem nenhum tato para lidar com criança, pede repetidamente em súplica: ‘Ajuda eu!’ (o correto seria ‘me ajuda’).
Significado: ‘Aham, Claúdia, senta lá’ pode ser usado quando se tem a intenção de fazer pouco caso de algo, ignorar, não dar atenção, desacreditar a pessoa, entre outros. Já o ‘ajuda eu’ pode ser usado quando você precisa de uma mãozinha.

Vem, gente!
Origem: Novamente vem de um vídeo da Xuxa. Quando um incêndio começa em seu estúdio de gravação, ela corre gritando com uma voz particularmente estridente: “Vem, gente!”.
Significado: Quando você quer chamar amigos, animá-los a sair, etc.

Vocês não merecem falar com meu anjo. / Alfabetizada(o) em inglês.
Origem: Xuxa ataca de novo. Desta vez a filha da apresentadora cometeu um erro de português em um tweet, virando motivo de piadas dos internautas. A resposta de Xuxa foi que a sua filha foi alfabetizada em Inglês. Como se não bastasse, Xuxa twitta que a filha havia gravado com uma cobra, gerando assim mais piadinhas maldosas..
Significado: Ao cometer qualquer erro de Português, você pode dar a desculpa de que foi alfabetizado em Inglês.

Menos a Luisa, que está no Canadá.
Origem: A frase veio de uma propaganda onde um homem discursa sobre o quão bom é o apartamento anunciado. E por ser este tão bom, ele diz ter resolvido reunir toda a sua família — menos a Luiza, que estava no Canadá — para recomendá-lo. A explicação sobre sua filha estar no Canadá é extremamente desnecessária, e soa ainda como se ele quisesse se gabar de ter uma filha morando no Canadá.
Significado: Você pode usar sempre quiser generalizar algo e logo depois acrescentar uma exceção. Por exemplo: “Todo mundo comemora a chegada do Verão, menos a Luiza, que está no Canadá.”

Todos chora!
Origem: Há controvérsias. Alguns acreditam que a expressão tenha vindo de uma moda de 2004 no Orkut (rede social popular no Brasil) chamada Tiopês. Tiopês seria uma maneira bem-humorada de fazer comentários, escrevendo errado propositadamente a fim de dar um tom irônico à fala.
Significado: O ‘todos chora’ pode ser usado quando alguma coisa ruim acontece, ou para adicionar ironia. A expressão é flexível e comumente usada com qualquer outro verbo, como por exemplo: ‘todos comemora’, ‘todos grita’, etc. Sempre com a concordância incorreta, claro. Outras palavras que hoje na internet podem ser escritas de modo errado de propósito são: corrão (ao invés e corram); rykah (ao invés de rica/o); fujão (ao invés de fujam); safadjendo (safadinho); fotenha (foto) etc. Bem, agora você tem que tomar cuidado para entender o contexto e saber quando um erro é involuntário ou não..

Mas e sobre você, quais memes do seu país estão na moda?
Bem, por enquanto é isso. Todos chora! (menos a Luisa, que está no Canadá)

[English]

You might also like: